Mais resultados...

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Como conservar ervas aromáticas frescas

Aqui em casa há sempre ervas aromáticas. São ótimas aliadas em qualquer receita. Só é pena não durarem muito. Por isso, dicas de como conservar ervas aromáticas frescas são sempre bem-vindas!

A primeira coisa que devemos fazer é lavá-las bem, para retirar alguma terra que possam ter, e mais importante ainda secá-las. Seja com um pano ou um centrifugador de legumes, convém retirar o máximo de água possível.

Depois, a forma mais simples e que resulta bem, é espalhá-las num recipiente (a ideia é desfazer o molho e guardá-las bem espalhadas) e colocar papel de cozinha por cima e fechar com a tampa. Também pode enrolá-las em papel de cozinha e quardá-las num saco bem fechado na gaveta dos vegetais no frigorífico. Desta forma, o papel de cozinha vai absorvendo a água, mantendo as ervas húmidas, mas não molhadas.

Pode usar o mesmo método com elas já cortadas. Sempre facilita na hora de usar!

Se preferir congelar, basta cortá-las, colocar em couvetes de gelo e depois regar com azeite. Quando estiverem sólidas, retire das couvetes e guarde em sacos. Sempre ocupa menos espaço. No caso da hortelã, por exemplo, pode optar por cortar ou triturar e juntar água, em vez de azeite, para deste modo poder usar em sumos, batidos ou smoothies.

Dessa forma, vamos conseguir usar as nossas ervas aromáticas por muito mais tempo e sem desperdícios.

Mais ideias para aproveitar ervas aromáticas

Além disso, pode também preparar sal de ervas aromáticas. Escolha as ervas da sua preferência e triture com sal grosso. Dessa forma, vai ter um sal cheio de sabor para usar ou temperar o que quiser, com validade de pelo menos 3 semanas!

Se tiver grandes quantidades, pode também secá-las e depois triturar. Para isso, embrulhe-as em papel vegetal, e leve ao forno no máximo até 100º. Quando estiverem quebradiças, pode retirar. Deixe arrefecer e triture.

Utilizá-las num molho pesto, é decerto uma boa opção. O pesto original é feito com manjericão, mas resulta muito bem também como salsa, coentros ou hortelã!

1/2 chávena (chá) de nozes, pinhões ou amêndoas
2 chávenas (chá) de uma erva fresca ao seu gosto
Uma chávena (chá) de queijo parmesão ralado ou pecorino
Dente de alho descascado
1 e 1/2 chávena (chá) de azeite
Sal a gosto

Triture tudo até opter uma pasta. Guarde num frasco hermético e esterilizado no frigorífico ou congele em couvetes de gelo.

Pode usar este molho nestes Zoodles de Curgete com frango e cogumelos!

logo intermarche

Conheça a marca PorSi e veja mais receitas Intermarché

Novidades sempre em primeira mão!

Subscreva a nossa newsletter e receba todas as novidades exclusivas que temos para aí.

NOVO EBOOK

AS MELHORES RECEITAS PARA A SUA AIRFRYER

Mais de 70 Receitas para Poupar Tempo e Dinheiro